Perguntas Frequentes

Quais são as perguntas frequentes para a prática do Yoga?

Quem pode fazer Yoga?

Qualquer pessoa que procure conjugar equilíbrio físico e mental irá beneficiar da prática de Yoga, independentemente da sua idade, género, condição física, ocupação ou religião.

O Yoga é recomendado para todos os que procuram aliar um trabalho corporal (correcção postural, força, flexibilidade e equilíbrio) a um estado de tranquilidade, relaxamento e concentração mental. Assim, revela-se como um meio profundamente transformador, aumentando a Consciência e melhorando fortemente a qualidade de vida e o bem-estar.

Não tenho experiência anterior em Yoga nem muita flexibilidade física, será que estas aulas são adequadas para mim?

Estas são perguntas frequentes. Não necessita ter experiência anterior. As nossas aulas são adequadas a todos os níveis de prática. Fazemos as adaptações necessárias em função das características dos alunos. Além disso, dispomos de vários materiais que poderão facilitar a execução de algumas posturas.

A flexibilidade é algo que se vai desenvolvendo com uma prática consistente e regular.

Qual é a prática de Yoga ideal para mim?

Todos temos características psico-físicas, necessidades e disponibilidades diferentes. A escolha do tipo de prática é algo muito pessoal. Pode e deve, em primeiro lugar, experimentar uma aula para sentir a prática, sentir o espaço envolvente, o grupo e o professor.

Se a conjugação de todos estes factores tiver uma ressonância positiva em si, então está na prática certa, ideal para si! Caso contrário, experimente outra prática diferente, até encontrar aquela com a qual se sente identificado.

Seguem-se algumas dicas que o poderão ajudar:

  • Se tem alguma limitação física ou alguma condição particular de saúde, poderá ser útil começar com Aulas Particulares. Certamente adaptadas à sua condição específica.
  • Se está grávida, o Yoga para Grávidas é a opção ideal.
  • Se tem pouca disponibilidade para praticar e/ou gosta do modelo de aulas guiadas, as aulas de Yoga Dinâmico, Vinyasa Flow e Ashtanga Improv são excelentes para si.
  • Se tem bastante disponibilidade para praticar, é disciplinado e gosta de ter algum grau de autonomia, a prática de Ashtanga Yoga – Mysore poderá ser interessante para si.
  • Se viaja muito e tem possibilidade de praticar sozinho quando está fora, as aulas de Ashtanga Yoga – Mysore ou as Aulas Particulares irão ajudá-lo nesse sentido.
  • Se tem um bebé traga-o consigo às aulas de Yoga Pós-Parto e faça também com ele o Yoga Baby, ambos vão adorar!

Qual a frequência ideal para praticar Yoga?

A frequência para praticar Yoga é muito variável consoante a disponibilidade de cada pessoa, a sua vontade e necessidades pessoais.

Naturalmente, uma prática diária, ou pelo menos regular, consistente e continuada no tempo será o ideal! De uma maneira geral, recomendamos que faça pelo menos 2 aulas semanais para poder sentir alguns progressos e benefícios duradouros.

Qual a melhor hora para praticar?

O amanhecer e o anoitecer são tradicionalmente considerados momentos de ouro para o Yoga. É nestas fases do dia que a mente mais facilmente entra num estado meditativo. No entanto, e sobretudo no acelerado ritmo da vida moderna, assumimos que a melhor hora para praticar é aquela em que cada pessoa está física e mentalmente disponível para tal. Isto é, consoante as suas rotinas diárias. Até porque, qualquer momento do dia traz benefícios:

  • De manhã, a prática do Yoga ajuda a começar bem o dia, com muita energia, auto-confiança, boa disposição, tranquilidade e uma mente focada. Efeitos que irão fazer-se sentir ao longo de todo o dia. O corpo está menos flexível, mas a mente está bastante disponível e concentrada.
  • À hora de almoço, proporciona-se uma pausa revitalizante e simultaneamente relaxante a meio do trabalho. Recuperam-se as energias gastas durante a manhã, e armazena-se energia renovada para o resto do dia, evitando um acumular de cansaço. No momento do pico do calor, o corpo aquece facilmente, favorecendo o natural processo de limpeza e desintoxicação que o Yoga tem sobre o organismo.
  • À tarde/noite, o corpo está muito mais flexível a nível muscular e articular e responde melhor à prática dos ásanas (posturas de Yoga). Apesar da mente estar menos disponível à concentração e apresentar alguns sinais de fadiga, consegue relaxar profundamente, preparando-se para o descanso da noite. As tensões físicas e mentais acumuladas ao longo do dia são libertadas.

Preciso levar tapete de Yoga?

Esta é umas das mais perguntas frequentes. Não é obrigatório. No estúdio temos vários tapetes de Yoga disponíveis para serem utilizados pelos alunos durante as aulas. No entanto por uma questão de higiene, muitos alunos preferem ter o seu próprio tapete de Yoga.

Tenho horários de trabalho muito incertos, como faço para frequentar as aulas?

Fale com o seu professor para encontrar uma solução viável. Assim, poderá compensar aulas em falta noutros horários, ou conjugar horários de diferentes professores, ou optar por fazer aulas avulso. Certamente sempre que tiver disponibilidade. Pode fazer outras perguntas frequentes que não estão listadas aqui ao Professor.

Quando tomar banho – antes ou depois da prática?

Antes da prática dos ásanas (posturas de Yoga), um banho quente é muito favorável pois ajuda a activar a circulação e a aquecer o corpo.  Isto sobretudo quando se pratica de manhã cedo ou quando está muito frio. Para além disso, o banho antes da prática tem também a função de limpeza externa do corpo, que é importante. A prática do Yoga fará depois a limpeza interna.

O banho não deve ser tomado imediatamente a seguir à prática, mas apenas 30 minutos após, de forma a permitir que o prana (energia vital) difundido com a prática do Yoga possa ser armazenado. Porque assim o sistema corpo-mente pode assimilar os efeitos benéficos da prática.

Estou grávida, há alguma contra-indicação em praticar Yoga?

Desde que o seu médico a autorize a fazer exercício físico, não há qualquer problema em praticar Yoga. Muito pelo contrário! O Yoga será bastante benéfico para si e para o seu bebé. Deverá avisar o seu professor, para que a aconselhe de uma forma mais personalizada sobre este assunto. Também para que possa fazer as necessárias adaptações à gravidez, caso frequente uma turma regular.

Muitas grávidas fazem essas perguntas frequentes. Certamente poderá também optar pelas aulas de Yoga para Grávidas que são ideais para esta fase.

Tenho um problema de coluna / articular, etc… posso fazer estas aulas?

Deve confirmar previamente com o seu médico se há algum movimento ou exercício contra-indicado para si e informar o seu professor. Dependendo da situação, poderá frequentar as aulas de grupo regulares, fazendo pequenas adaptações que sejam convenientes para si, ou optar pelas aulas particulares consequentemente para um programa mais adequado à sua condição específica.

Tenho problemas respiratórios. O Yoga pode ajudar?
Durante a prática do Yoga respiramos de forma lenta, profunda, controlada e consciente, quer seja durante a execução dos ásanas (posturas de Yoga), quer seja na execução de algumas técnicas respiratórias específicas. Assim, é natural que ocorra uma melhoria substancial na capacidade e qualidade respiratória com efeitos muito positivos ao nível da saúde global.

Essas são as perguntas frequentes. Veja também: Recomendações Gerais